Buraco na camada de ozônio do Ártico é equivalente ao da Antártida

Buraco na camada de ozônio acima da região do Ártico registrado em março de 2011 (AFP/Nasa/JPL-Caltech)

Cientistas afirmaram que, pela primeira vez, registraram um buraco gigante na camada de ozônio na atmosfera superior acima da região do Ártico, parecido com o buraco encontrado regularmente sobre a Antártida, no sul.

Segundo os cientistas, o buraco foi detectado durante vários meses no começo do ano e seu tamanho era cinco vezes o tamanho da Alemanha. Os cientistas afirmaram ainda que, a cerca de 20 quilômetros acima da superfície terrestre, 80% do ozônio tinha desparecido.

Leia mais: BBC Brasil – Notícias – Buraco na camada de ozônio do Ártico é equivalente ao da Antártida.

 

Essa notícia é a concretização do temor que havia em Março deste ano quando dados preliminares de 30 estações de monitoramento de ozônio em todo o Ártico demonstravam que o grau de perda de ozônio foi maior neste inverno do que nunca antes registrado. Veja mais sobre isso em “Camada de Ozônio afina no Ártico e Polo Norte pode ter seu primeiro buraco de Ozônio da história”

Anúncios

Deixe uma resposta - Lembramos que não serão permitidos comentários com conteúdo ofensivo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: