Sabesp treina estrangeiros de dez países em combate a perdas de água

GUA_1_~1A Sabesp, empresa responsável por fornecimento de água, coleta e tratamento de esgotos no estado de São Paulo, começou, na última sexta-feira (24), a dar um treinamento internacional para o combate a perdas de água. Profissionais de dez países recebem, até o dia 16 de março, informações sobre as ações que a Sabesp faz, no seu dia a dia, para evitar as perdas. Parte destas práticas foi desenvolvida pela própria companhia e parte ensinada por técnicos japoneses, por meio de um convênio com a Japan International Cooperation Agency (Jaica), órgão de financiamento do governo do Japão.

Quem participa do treinamento são engenheiros, gerentes e diretores de companhias de abastecimento da Colômbia, Paraguai, Peru, Uruguai, Costa Rica, El Salvador, Honduras, Nicarágua, Guiné Bissau e São Tomé e Príncipe. De acordo com a gerente do Departamento de Engenharia de Operação da Sabesp, Érika Martins Andrade, aos participantes será apresentada, por exemplo, como fazer a pesquisa de vazamento não visível, por meio de som. Segundo ela, isso sempre desperta o interesse dos estrangeiros.

Também serão mostradas, entre outras práticas, técnicas para medição de água. A Sabesp, por exemplo, pesquisa a diferença entre a água distribuída e utilizada pelo cliente para identificar vazamentos e perdas. Nesta área, foi ensinado pelos japoneses mais um sistema de monitoramento, o da vazão noturna. Por meio dele, é observado o consumo em horas em que os moradores normalmente estão dormindo, ajudando a identificar vazamento. Segundo Andrade, a Sabesp já tinha as suas práticas e fez melhorias em função da cooperação desenvolvida com o Japão.

O convênio com o Japão durou três anos, de 2007 a 2010. Neste tempo um perito japonês esteve no Brasil repassando as práticas do seu país. Outros vieram eventualmente para fins específicos. Também 50 profissionais da Sabesp estiveram no Japão aprendendo com as ações de lá. Como o Brasil adaptou estas medidas para a realidade daqui, de um país em desenvolvimento, vai repassá-las a outras nações, com idiomas similares (português e espanhol), no âmbito da cooperação Sul-Sul. A cooperação com a Jaica e a capacitação internacional têm a parceria da Agência Brasileira de Cooperação (ABC), do Ministério de Relações Exteriores.

A Sabesp já deu outros treinamentos internacionais, na área de tratamento de esgoto. Neste setor também houve intercâmbio com o Japão por meio da Jaica. A companhia mantém ainda uma superintendência de Novos Negócios e Mercados, por meio da qual desenvolve intercâmbio internacional. Na última semana, a companhia assinou outro contrato com a Jaica. A agência japonesa vai financiar parte do programa da Sabesp de combate a perdas de água pelos próximos quatro anos, num valor de US$ 440 milhões.

Fonte: ANBA

Anúncios

Deixe uma resposta - Lembramos que não serão permitidos comentários com conteúdo ofensivo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: