FAO (ONU) conclui diretrizes para posse de terra, acesso a recursos florestais e pesca

pequeno-agricultor / WikimediaNegociadores concluíram na terça-feira (14/03) na sede da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) em Roma, Itália, um conjunto de propostas de diretrizes globais voluntárias sobre a gestão e o acesso a terra, pesca e recursos florestais.

Sua aprovação dependerá da análise do Comitê de Segurança Alimentar Mundial (CSA) que realizará uma sessão especial no mês de maio. Se aprovadas, as diretrizes vão servir como uma referência voluntária para países adotarem leis e políticas sobre terras, pesca e recursos florestais.

“As Diretrizes Voluntárias vão desempenhar um papel importante na resposta ao desafio de acabar com a fome e assegurar a segurança alimentar de todas as crianças, mulheres e homens de forma econômica, social e ambientalmente sustentável”, afirmou o Diretor-Geral da FAO, José Graziano da Silva.

As diretrizes incluem a promoção de direitos iguais para as mulheres na obtenção dos títulos das propriedades, criação de sistemas de organização de registros transparentes que sejam acessíveis às populações rurais pobres e a proteção aos direitos informais e tradicionais à terra, florestas e áreas de pesca.

Há também indicações para investidores sobre as melhores práticas sobre como fornecer aos grupos da sociedade civil um padrão de referência sobre os direitos das terras.

Para conferir as diretrizes completadas (em inglês), clique aqui.

Fonte: ONUBR – Nações Unidas no Brasil

Anúncios

Uma resposta to “FAO (ONU) conclui diretrizes para posse de terra, acesso a recursos florestais e pesca”

  1. Orange Matos Feitosa Says:

    Este órgão surgido nos anos 40 pós segunda Guerra é apenas uma marionete do Estado de onde se originou e não consegue cumprir seus objetivos mais básicos como o de cooperação entre as nações!
    E agora está a frente de “diretrizes” que assegurarão a “segurança alimentar de todas as crianças, mulheres e homens de forma econômica, social e ambientalmente sustentável”!?!?!?! Mediante tamanha desolação ao ler esses textos preparados para os ingênuos, precisamos perguntar: quais crianças? quais mulheres? quais homens? Porque morre-se todos os dias de fome na Af’rica e em outros lugares pouco divulgados.
    Se os gastos para manter esses órgãos falidos fossem direcionados para resolução desses problemas, talvez algo surgisse no fim do túnel. Acabar com a fome é um desafio para os discursos corrompidos e demagogicos, porque todos sabem que medidas simples e eficazes alimentariam milhares de crianças no mundo. Porém, os países ricos e industrializados permanecem consumindo muito e disperdiçando muito e talvez para amenizar a culpa, crie esses debates e diretrizes que sabemos na prática são ineficazes, quando muito saem do papel!

    Curtir


Deixe uma resposta - Lembramos que não serão permitidos comentários com conteúdo ofensivo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: