Falta de chuva reduz em até três vezes vazão nas Cataratas do Iguaçu

Passarela do lado brasileiro das Cataratas do Iguaçu - Foto: Wikipedia

A redução do volume de chuva em Foz do Iguaçu, no Paraná, mudou a paisagem das Cataratas do Iguaçu. A vazão têm se mantido abaixo da média histórica de 1.500 metros cúbicos (m³) por segundo. Nos últimos dias, tem permanecido perto ou até abaixo de 500 m³ por segundo.

Desde novembro, o volume de chuva acumulado está abaixo da média climatológica em toda extensão da Bacia do Iguaçu. Em Foz do Iguaçu, segundo dados do serviço de meteorologia do estado (Simepar), o déficit de chuva nos últimos seis meses totaliza 600 milímetros (mm).

Hoje (18), a vazão nas Cataratas do Iguaçu aumentou para 1.090 m³ por segundo. De acordo com o Setor de Monitoramento Hidrológico do Rio Iguaçu, da Companhia Paranaense de Energia (Copel), o aumento da vazão se deve à abertura na segunda-feira (16) das comportas das hidrelétricas da região, como a de Salto Caxias.

Formadas pelas quedas do Rio Iguaçu, as cataratas foram eleitas no ano passado, em concurso promovido pela Fundação New7Wonders of Nature, como uma das Sete Maravilhas da Natureza. Dezoito quilômetros antes de se juntar ao Rio Paraná, o Iguaçu vence um desnível do terreno e se precipita em quedas de até 80 metros de altura, alcançando uma largura de 2.780 metros.

De acordo com boletim do Simepar, hoje (18) também não deve chover na região. A massa de ar seco favorece um dia de sol em todo o estado.

Fonte: Agência Brasil
 
Anúncios

Deixe uma resposta - Lembramos que não serão permitidos comentários com conteúdo ofensivo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: