Alimentacao inspirada em tradicoes indigenas pode preservar meio ambiente e combater a fome, diz FAO

05-31-fao-trad-foodAlimentos tradicionalmente usados por povos indígenas podem ser uma importante ferramenta para combater a fome e a má nutrição. De acordo com a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), adotar uma cesta alimentar semelhante a dos índios pode resultar em dietas balanceadas com a vantagem de se gerar uma pegada de carbono menor a de muitos outros métodos da agricultura moderna.

Essas discussões fazem parte do simpósio regional Promoção dos Alimentos Indígenas Subutilizados para a Segurança Alimentar e Nutrição na Ásia e no Pacífico que irá até 2 de junho na Tailândia.

A agência ainda afirma que a globalização tem reduzido o número de espécies de plantas usadas para fins alimentares de cerca de 100 mil para apenas 30. Como a população mundial deverá chegar a nove bilhões em 2050, a FAO está preocupada que o mundo não será capaz de produzir alimentos suficientes para atender à demanda.

“Se conseguirmos com êxito melhorar a informação sobre a utilização desses recursos alimentares indígenas – considerando um marketing mais eficaz – produtores rurais, inclusive as comunidades indígenas, poderão se beneficiar muito mais em termos de melhoria da saúde, nutrição, bem-estar e redução da pobreza”, afirmou o presidente da Universidade Khon Khen, Kittichai Triratanasirichai.

Fonte: onu.org.br

Artigo original da FAO, em Inglês: ‘Forgotten foods’ can be an important tool to fight hunger, FAO and scientists say

Anúncios

2 Respostas to “Alimentacao inspirada em tradicoes indigenas pode preservar meio ambiente e combater a fome, diz FAO”

  1. Fabiano Paz Says:

    A alimentação indigena se levada para os ditos civilizados, surtirá pouco efeito visto que a muito tempo o dito “branco” consome todo dia uma infinidade de “venenos” atraves da alimentação indevida e industrializada, ,o sabor natural dos alimentos foi esquecido a muito tempo, hoje o saleiro é obrigatorio na mesa, uma pena que essa materia não seja no Brasil.

    Curtir

  2. Orange Matos Feitosa Says:

    Li a matéria pensando que esse repentino interesse pelas tradições indígenas era no Brasil! Mas, sabemos que esse desleixo é mundial e lamentavelmente no Brasil a rica tradição dos povos indígenas é desconhecida e marginalizada por grande parte da população que frequentemente se reporta à “hábitos” ou “comportamentos” de “índio” de forma pejorativa por pura ignorância do quanto essas sociedades tem/teriam para nos ensinar!

    Curtir


Deixe uma resposta - Lembramos que não serão permitidos comentários com conteúdo ofensivo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: