Recursos naturais X logica da economia formal: indigenas preocupados com preservacao de terras e economia verde

povos indigenasReunidos na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20), indígenas de 20 etnias das Américas e da Ásia estão preocupados com a preservação de suas terras e com a forma como essas populações serão inseridas no desenvolvimento da economia verde. Na avaliação do articulador dos índios da Rio+20, Marcos Terena, esses povos já manifestaram o receio de que os recursos naturais se misturem com a lógica da economia formal.

“Nós não concordamos com isso e é preciso que a economia verde não seja apenas um slogan, não seja apenas um detalhe de cores ou de argumentos teóricos, já que, no nosso ponto de vista, a pobreza não está nas comunidades indígenas, mas na modernidade, nos grandes centros urbanos”, destacou.

Os representantes das 20 etnias estão concentrados na Aldeia Kari-Oca, localizada em Jacarepaguá, zona oeste da capital fluminense. Ao final das discussões, que vão durar três dias, será elaborado um documento com sugestões a ser entregue aos chefes de Estado que estarão reunidos na conferência, entre os dias 20 e 22 de junho, no Riocentro.

No final da tarde de 14/06 haverá a inauguração da Oca dos Sábios e a abertura dos Jogos Verdes, competição disputada entre os índios. O início dos jogos será marcado com uma cerimônia espiritual, apresentações de danças e a execução do Hino Nacional brasileiro em português e em guarani. Os jogos vão até dia 22/06, quando será assinado um protocolo entre as nações indígenas formalizando o pedido para que os Jogos Indígenas Mundiais, previstos para 2013, sejam realizados no Rio de Janeiro.

De acordo com Terena, o pedido será entregue ao prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes. A expectativa é que 1,5 mil indígenas de pelo menos 12 países das América, além de povos de algumas nações da Ásia, participem da competição em 2013.

Polegar para cima Acompanhe a cobertura multimídia da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) na Rio+20.

Fonte: Agência Brasil

Anúncios

Uma resposta to “Recursos naturais X logica da economia formal: indigenas preocupados com preservacao de terras e economia verde”

  1. Orange Matos Feitosa Says:

    Marcos Terena, demonstrou mais um avez sua sensibilidade, experiência e inteligência em relação a acordos que não passam de “slogan” e na prática tudo permanece tal qual estava, promessas dormidas que não se efetivarão, discursos falaciosos, palavras sofisticadas, eventos glamourosos e nada mais, tudo uma encenação para justificar na Mídia que os líderes do Planeta objetivam mudar a realidade caótica em que todos estamos mergulhados. Propostas, projetos, promessas e tudo igual há vinte anos e como assinalou o professor da Usp, em um dos artigos publicados pelo Eco4u, “esta tudo pior”!!!
    O Brasil ainda vivendo de migalhas doces e desigualdade brutalmente social!
    Rio+20, para mim é mais um a zero!!!

    Curtir


Deixe uma resposta - Lembramos que não serão permitidos comentários com conteúdo ofensivo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: